Espere por mim - Resenha

Pâmela (Mel) é uma mulher forte e decidida, linda e simpática. Dona de si, com um sorriso contagiante, ela é atriz e modelo.

Antônio (Toni) é um lutador de MMA, com uma carreira vitoriosa. O que traz inveja e provocação de seus adversários.

O relacionamento do casal é bastante complicado, mesmo se amando muito, o ciúme constante de Toni e sua impulsividade atrapalham a relação. Tornando-o agressivo por diversas vezes.

Mel tenta ponderar e evitar situações desagradáveis. Como estão juntos a tanto tempo ela acredita que essa insegurança não é saudável para ele.

Mesmo com esse gênio difícil, Toni é extremamente carinhoso, protetor, amigo e apaixonado por Mel. O romance do casal passa por uma grande mudança quando a mesma decide fazer um clipe para uma música.

Apaixonada e amando o namorado, Mel tenta não causar mais brigas, mesmo assim, ela sabe que Toni não deve mandar em sua vida, e diante de tantas adversidades começa a se questionar se o relacionamento vale a pena.

Devido a acontecimentos trágicos há uma separação bastante difícil para o casal, fazendo ambos amadurecerem e perceberem que realmente devem ficar juntos.

O livro é envolvente, com uma narrativa empolgante, esse romance traz muita luta, esperança, amor, superação e compreensão. Com personagens secundários importantíssimos e marcantes, conhecemos a real AMIZADE.

E, no final me surpreendi positivamente com essa história de amor e superação

Autora : Carol Dias
Nº de páginas: 201
Editora: The Gift Box

Sinopse: Quebrado. Irritado. Abandonado.
Era assim que Toni se sentia por dentro. Todos os dias ele lutava contra o monstro que vivia dentro de si, para não repetir as cenas que aconteceram naquela noite de Ano Novo.
Na noite em que tudo mudou.
Na noite em que ele perdeu Pâmela, o grande amor da sua vida.
Não por estar morta, mas desaparecida. Suas atitudes fizeram com que ela corresse dele como o diabo foge da cruz. No momento em que ele mais precisava, teve que assistir aquela que amou e protegeu dar as costas a tudo por medo.
Mas não pararia por ali. Toni disputaria a luta mais importante da sua vida para provar ao mundo quem era de verdade.
Bastava que Pâmela aceitasse seu único pedido: o de esperar por ele.

Nenhum comentário